Linhas de Transmissão

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Rating 0.00 (0 Votes)

No artigo anterior deduzimos a equação diferencial das linhas de transmissão ou "Equação dos Telegrafistas" como é chamada nos livros mais antigos. Nesse artigo vamos examinar a solução da Equação da LT para compreender os conceitos de onda direta e refletida, impedância característica e impedância localizada.

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Rating 0.00 (0 Votes)

Como vimos no post anterior “Características das Linhas de Transmissão”, a principal diferença entre uma linha de transmissão (ou qualquer sistema de guiagem de ondas) e um condutor é a “dependência de posição”: ao longo de um trecho de linha de transmissão, as tensões e correntes, não dependem apenas do tempo, mas também da distância à fonte ou à carga. Uma vez que tensões e correntes não são constantes ao longo da linha, a impedância também não é constante. Para entender melhor a dependência de posição, devemos determinar e equação da LT.

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Rating 5.00 (1 Vote)

Considere uma LT sem perdas de impedância característica de impedância Z0 e constante de fase β. A LT tem comprimento l e está operando na frequência f produzida pelo gerador de força eletromotriz E e impedância ZG. A LT está conectada na carga de de impedância ZL.

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Rating 0.00 (0 Votes)

SWRVamos continuar trabalhando com uma LT sem perdas de impedância característica de impedância Z0 e constante de fase β. A LT tem comprimento l e está operando na frequência ƒ produzida pelo gerador de força eletromotriz E e impedância ZG. A LT está conectada na carga de de impedância ZL. Como já foi discutido no post que tratava da solução da equação da LT, nessa linha propagam-se as ondas incidente de amplitude V+ e refletida de amplitude V-.

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 Rating 0.00 (0 Votes)

Uma das maneiras de simplificar a vida de quem precisa analisar circuitos com LTs é supor que, para pequenas extensões, a parcela da energia que é dissipada pelo trecho de LT pode ser negligenciada, ou seja, que a energia se propaga na LT sem dissipação.

Page 2 of 3